Em cada divisão, uma planta de interior

Para mimar as plantas da melhor maneira possível e dar-lhes todos os benefícios possíveis, elas merecem uma localização privilegiada.

Do quarto até à cozinha ou casa de banho: cada divisão tem um canto para elas, cuidadosamente escolhido.


A humidade da casa de banho

A casa de banho é uma divisão frequentemente húmida, pelo que a hera ou uma bela samambaia/fetos florescem lindamente. Se tiver uma janela, coloque à luz uma beaucarnea, uma bela planta tropical apelidada de “pé de elefante”. Além de decorar, essas plantas verdes purificarão o ar. Se não tiver uma janela, a Sansevieria florescerá muito bem, já que adapta-se muito bem à vida num apartamento e em divisões com pouca luz. Proporcione um toque agradável de verde e frescura.

O poder desinfetante ao serviço do lar

As plantas que escolher para decorar a sua casa devem ser selecionadas de acordo com a temperatura que faz, mas especialmente de acordo com a luz disponível. O ideal é escolher aquelas com poderes de desinfeção. Adopte uma bonita palmeira que trará um toque exótico, um Chlorophytum, uma suculenta ou um Spathiphyllum pelas suas lindas flores brancas. Se tiver um computador, coloque à beira um cactus columnar, que recolherá as ondas e limpará a sala.

O mundo hostil da cozinha

Na cozinha e na casa em geral, é melhor evitar certas plantas que podem ser tóxicas, especialmente quando há crianças por perto. A bela azálea ou a “orelha-de-elefante”, por exemplo, devem ser banidas, pois são muito tóxicas se ingeridas.

Então, nada melhor do que belas e deliciosas ervas aromáticas para decorar os seus pratos, enquanto “veste” a sua cozinha?

Aglaonema? Talvez! Estas plantas das regiões tropicais da Ásia são, além de belas, muito resistentes. Suportam a luz direta, mas, sabem como prescindir dela e requerem pouca rega, embora não tenham medo da humidade. Desintoxicante, a Ficus elastica ou planta da borracha, também vai gostar muito da sua cozinha e absorverá o benzeno, e alguns componentes encontrados em produtos para o lar, enquanto que o jacinto ou a begónia trazem um toque de cor e alegria.

Na sala: estético e prático

Para salas pequenas, pendurar plantas é uma boa opção: buganvília, hera, um bonito Philodendron… Em cestos de palha ou outro material, coloque suculentas ou grandes cactos. Exigem pouca manutenção e são a garantia de uma decoração moderna. Se a sua sala estiver sujeita a correntes de ar, escolha uma Dracaena, tão resistente quanto majestosa!

A luz também é relevante para algumas variedades. Para um quarto com pouca luz, opte por uma Camedórea-elegante ou um Ficus pumila. Por outro lado, se o interior é ensolarado, um Beaucarnea ou uma agradável planta papiro ficarão felizes por residirem em sua casa.

Ao escolher as plantas de acordo com o ambiente em que elas vão evoluir, está a garantir o seu bom desenvolvimento. Além disso, trarão um belo toque decorativo bem como frescura para sua casa!

Deixar um comentário