O Diamante Mandarim

O Diamante Mandarim precisa de um companheiro para sentir-se bem

O Diamante Mandarim é um pássaro exótico que, cada vez mais, está a entrar nas nossas casas como animal de estimação. É também conhecido como Tentilhão Diamante ou Bico de Lacre Diamante. Há outras sub-espécies do Diamante Mandarim como o Taeniopygia guttata guttata.

É um pássaro que caracteriza-se pelo seu bico vermelho intenso que contrasta com a plumagem acinzentada com manchas de outras cores. As suas patas também são vermelhas.

É uma ave gregária, por isso, precisa estar acompanhado por uma outra ave da sua espécie para ser feliz. Graças à companhia da outra ave, podem mostrar o seu comportamento real, como sinais de afeto, limpeza da plumagem, etc. O Diamante Mandarim é extremamente sociável.

mandarim

Embora seja uma ave que está a adaptar-se às áreas urbanas, é muito importante que, nos primeiros dias na sua nova casa, haja muita tranquilidade, pois eles precisam reconhecer o seu novo habitat, as pessoas que o cercam e habituarem-se com perfeição.

Para a alimentação, é muito importante dar como base da sua comida, uma mistura. Neste caso, o mais utilizado é a do periquito. É aconselhável adicionar um pouco de alpiste à mistura, para tornar o seu alimento mais completo.

Também acostumam-se a comer verduras. Alface e outros alimentos verdes fornecem muitas vitaminas e minerais. Este tipo de alimentos frescos podem ser um bom complemento para alternar com a sua dieta monótona.

O Diamante Mandarim vai precisar de uma gaiola que lhe permita esvoaçar e ter o espaço suficiente para viver de forma confortável. Deve limpá-la regularmente para manter condições saudáveis.

À semelhança de outros seres vivos, precisam de ar fresco e luz natural, portanto, coloque a gaiola perto da janela, ou num terraço ou varanda, quando as temperaturas quentes o permitirem. É importante que, pelo menos durante uma hora por dia, possa voar em liberdade pela sala da casa ou sala de jantar. Este curto tempo de vôo vai permitir que mantenham a forma.

Por outro lado, coloque sempre água, pois é um fator crucial do seu estilo de vida. O banho diário é uma necessidade para eles e, sem este banho, não se sentem bem. Uma vez que os pássaros também bebem água do sítio onde tomam banho, seria aconselhável mudá-la diariamente.

O canto desta ave é muito peculiar, porque aprendem desde tenra idade, quando ainda são apenas uma cria, dos seus pais ou dos sons do ambiente que o cerca. Na aprendizagem, são semelhantes aos humanos, uma vez que as crianças aprendem a linguagem com base no uso e em ouvir as pessoas ao seu redor (pais, professores, etc.).

Geralmente, é um som forte, muito semelhante a um pato de borracha que soa de maneira repetida e cria uma melodia bonita, com complexidade.

Quanto à muda do Diamante Mandarim, os mais jovens começam por volta das 8 semanas, terminando após, aproximadamente, 5 ou 6 semanas.

Incentivamos a ter vários destes pássaros, pois, lembre-se, eles gostam de viver com outros da sua espécie! Assim, também, irá estimular o seu canto!

Deixar um comentário