Reutilize as suas garrafas na rega

Só precisa de uma garrafa, arame e berlindes

Se é daquelas pessoas que não tem muito tempo para regar ou que, simplesmente, esquece-se de o fazer ou vai estar fora de casa durante alguns dias e não quer que as suas plantas sequem, então, pode reutilizar as garrafas e utilizá-las para que as suas plantas recebam toda a água que precisam.


Fonte

O sistema é muito simples. Pegue na garrafa vazia e enche-a com com berlindes ou um produto similar que dê para inserir pelo gargalo da garrafa.

A quantidade de berlindes varia, consoante a quantidade desejada de gotejamento. Assim que achar que está suficientemente cheia, vire a garrafa, colocando o dedo no gargalo para que não caia nada e confirme se a quantidade de berlindes é a suficiente ou se precisa de acrescentar ou remover alguns. Coloque a garrafa cheia de água no vaso um pouco elevada, pois se a coloca dentro da terra pode ficar obstruída e não deixar a água sair.

Para que a garrafa não se mova e fique bem fixa no vaso, coloque um arame dentro da garrafa. Se inclinar a garrafa, terá de sacudi-la de vez em quando para manter o fluxo de água.


Fonte

Uma outra opção é simplesmente utilizar garrafas cheias de água.

Primeiro, deve regar o vaso e, depois de encher a garrafa que irá manter a planta com a quantidade necessária de água, vire-a ao contrário e com um golpe seco, introduza-a no vaso. Daí a importância de rega antes da colocação da garrafa: ao fazer desta maneira, quando se coloca a garrafa virada ao contrário na terra, esta não tem ar e, portanto, tampouco vai entrar ar na garrafa e assim a água não vai sair toda.

Se, ao virá-la ao contrário, vê que há bolhas ou que o nível da água baixa muito rapidamente, é sinal que ainda havia ar na terra. Repita toda a operação e tente novamente. O tamanho da garrafa irá variar consoante o tempo que irá precisar deste sistema de rega. Quanto maior for, durante mais dias poderá estar despreocupado em relação à rega da sua planta.

Deixar um comentário