O papel crucial das abelhas na natureza

Porque as abelhas são tão importantes?

É vital aprender a conviver com estes pequenos insectos, porque o seu papel na vida de todo o planeta é absolutamente essencial.

Muitos de nós talvez fiquemos incomodados quando nos deparamos com elas durante algum passeio ou caminhada, com medo de sermos picados, mas devemos ter em mente que, sem a presença destes insectos na natureza, muitas coisas que consideramos normais e às quais não damos nenhuma importância, deixariam de existir.

Albert Einstein uma vez disse: “Se a abelha desaparecesse do planeta, ao Homem só lhe restariam quatro anos de vida”, uma vez que são os mais importantes polinizadores de plantas com flores, algo absolutamente fundamental para todo o planeta.


Fonte

A polinização levada a cabo pelas colónias de abelhas permite que exista uma grande variedade de flores e estima-se que um terço dos alimentos humanos são polinizadas por insectos, principalmente abelhas, de modo que, sem o seu trabalho, muitas espécies vegetais desapareceriam e, juntamente com elas, uma parte importante da dieta humana.

Além disso, o desaparecimento de algumas plantas daria lugar ao aparecimento de outras espécies invasoras. Os animais que se alimentam de plantas que desaparecem, com o tempo, também acabam extintos, e com eles, a sobrevivência de outros animais caçadores cujas vidas dependem da alimentação de herbívoros, seria severamente afectada. Assim, o ciclo da vida mudaria radicalmente e os nossos hábitos e alimentação deixaria de ser como é agora.


Fonte

Assim, se as abelhas desaparecessem completamente, 60% das frutas e vegetais que comemos hoje, deixaria de existir. As consequências também seriam notadas na economia global, já que ajudam a gerar anualmente biliões de euros em produtos agrícolas. Actualmente, os Estados Unidos lançaram o alarme: a população de abelhas caiu cerca de 31% no passado inverno, agravando o progressivo declínio desta população que se tem vindo a registar desde 2006.  Apesar dos cientistas não conseguirem descobrir a causa (pode ser devido à exposição a certos pesticidas, parasitas, desnutrição e outras doenças), esta situação está-se a alastrar a outras partes do mundo, como na Europa, que, a agravar-se, provocaria um maciço colapso ecológico global.

Por isso é tão importante não esquecer a importância vital destes insectos no nosso planeta, pelo que vale a pena tentar aprender a viver com eles, pois, como dizem, não atacam as pessoas se não as incomodarmos.

Deixar um comentário