Nada de stress para o meu gato!

Sem stress para o meu gato!

O gato é um animal conhecido por ser “territorial” … e há muitas situações que podem provocar stress e alterá-lo. Quer viva exclusivamente dentro de casa ou se tem acesso ao exterior,  deve tomar certas precauções diárias.

Que situações podem provocar stress ao meu gato?

São várias. Mudança de casa, viajar de carro ou comboio, mesmo se o gato está confortavelmente colocado numa transportadora apropriada, pode ser stressante. Qualquer mudança “simples” de atmosfera na sua vida diária pode ser irritante o suficiente. Portanto, a simples mudança de móveis, plantas, qualquer elemento novo, uma mudança de cama ou lugar para dormirpode ter consequências. Alguns gatos não são tão afetados e vivem despreocupadamente, outros já podem sentir-se bastante afetados!

O que pode provocar o stress?

O stress pode levar o seu gato a muitos comportamentos indesejáveis. Arranhar-se, marcação com urina … em alguns casos, o gato pode desenvolver outros distúrbios comportamentais, por exemplo, se ele começa a lamber-se excessivamente a ponto de tornar-se “lesão”, consulte o veterinário. Também pode miar excessivamente, tentar encontrar um “refúgio” e esconder-se. Não subestime estes problemas, é melhor perguntar ao seu veterinário que pode aconselhá-lo o mais rapidamente possível para resolver os problemas e recuperar a serenidade e bem-estar em casa, conforme necessário.

O que posso fazer para evitar o stress no meu gato?

Idealmente para que o seu gato tenha ter uma mente saudável é dedicar-lhe algum tempo todos os dias para brincar com ele, dar-lhe uma dose de mimos, oferecer brinquedos… Se o seu gato é um pouco preguiçoso, pode oferecer brinquedos especialmente concebidos para que os gatos façam alguma atividade na sua ausência. Isto não só irá aliviar a solidão enquanto está à sua espera, como também irá ajudar a combater o excesso de peso que afeta a cada dia mais e mais gatos! A obesidade pode ter muitas consequências negativas para a saúde geral do seu gato.

Em caso de stress, há soluções confiáveis ​​para ajudar o meu gato?
Se o seu gato mostra sinais de stress, existem produtos naturais, incluindo feromonas que podem pacificá-lo. Estes produtos têm-se mostrado eficazes, desde que o seu modo de utilização seja respeitado. Estes tratamentos, sem receita médica, estão disponíveis no veterinário ou na Jardiland, entre outros locais.

É irreversível?

Alguns gatos são capazes de gerir uma situação stressante corretamente, mas outros podem levar tempo para resolver, algumas horas ou até dias. O stress agudo ou crónico pode ter um impacto sobre a saúde do seu gato e contribuir para o agravamento de problemas, tais como cistite, doenças dermatológicas, anorexia, obesidade, etc. Por isso, é necessário responder rapidamente. Mas, nada é irreversível!

Além da sua comida e alguns brinquedos, que mais pode precisar o meu gato?

Mesmo sem acesso ao exterior, é essencial para a saúde do seu gato tratar preventivamente e regularmente contra parasitas externos e internos e manter suas vacinas. Podemos trazer vírus e bactérias para a nossa casa, por exemplo, nos nossos sapatos ou depois de manusear objetos contaminados.

Leite não é essencial para o seu gato; como algumas pessoas, os gatos também podem ser alérgicos, por não assimilar bem a lactose. No entanto, a água mineral deve estar sempre disponível. Bem como alimentação adequada e de boa qualidade. Para os gatos que vivem em apartamentos, há a erva de gato (em bandejas ou pronto para crescer) que também tem efeito anti-stress. Mas, novamente, todos os gatos não gostam de forma automática!

Salvar

Salvar

Salvar

Deixar um comentário