Dicas sobre as flores aromáticas

Algumas flores têm o dom de alegrar os nossos sentidos, por isso, as plantas perfumadas são as mais cativantes. Mas, quais são as variedades mais fáceis de cultivar?

Rosa, a rainha

É cultivada há já 5.000 anos e desde que começou sua odisseia na Grécia, nunca mais parou de surpreender. A rosa é a rainha das plantas perfumadas. Mas, porque é que a rosa é tão única? Porque tem um “espectro olfativo” mais complexo que as suas irmãs. As 20 mil variedades de rosas são cada uma composta de centenas de moléculas diferentes: é esta mistura que nos faz sucumbir. Além disso, as rosas não têm todas o mesmo cheiro, o que faz crescer o seu charme. As mais olfativas são: Veilchenblau, Meitroni, Isalia®, Mareva®, Suneva® e, também, a famosa Graham Tomas®.

Quais devo escolher e qual origem deste presente?

Apenas pelos seus nomes já cheiram bem! Entre as mais fáceis de cultivar, recomendamos o jasmim, a clematis estrelada, a camélia, a lavanda do sul, a violeta, a lírio, a gardênia, a glicínia, o jacinto, a rosa mosqueta, a magnólia, a azálea… Mas, existem muitas outras flores que poderá encontrará na nossa loja. Qua o seu segredo? Bem, é muito complexo! É o resultado de um metabolismo único, o resultado de pequenas moléculas que se expressam mais facilmente que outras. Os seus compostos são chamados de “voláteis” e resultam de centenas ou mesmo milhares de anos de evolução. Será que cheiram bem só para nos agradar? Não só. Este perfume permite que defenderem-se, aclimatizarem-se … ou contactarem-se com outras plantas. O essencial é que deixam o nosso olfato feliz, não é mesmo?

O nosso conselho

Para plantar, escolha um solo rico em húmus e utilize fertilizantes regularmente, de preferência, ricos em nitrogénio, na primavera, no verão e depois de cada floração. Plante as suas rosas como quiser, desde que estejam num local ensolarado. Em termos de cores, a rosa está disponível em rosa, vermelho, branco, amarelo, rosa salmão, laranja brilhante, vermelho preto e, excepcionalmente, azul. O seu período de floração varia consoante a variedade: a rosa silvestre floresce apenas uma vez, no verão; os arbustos com flores duplas florescem, às vezes, de forma contínua de março a dezembro. As trepadoras florescem de maio até às primeiras geadas; as que não são trepadores só florescem a partir de inícios de junho até meados de julho. Encontre as variedades mais bonitas na nossa loja e os melhores conselhos também, especialmente, para combater doenças às quais as rosas estão particularmente expostas. A rosa é generosa, mas, requer um mínimo de manutenção.


Como aproveitar ao máximo o perfume das suas flores?

É à noite quando as plantas perfumadas dão o seu melhor. É nessa altura que as borboletas e outros insetos voadores vêm extrair o néctar e aproveitar o pólen dessas generosas flores. É, também, nesta altura que ocorre a fundamental transmissão de pólen de uma flor para outra, garantindo a fertilização cruzada. Todo este movimento sacode as flores e permite que elas libertem completamente os seus odores. Uma dica: a melhor maneira de concentrar os perfumes de flores é preservá-las do vento. Por isso, plante-as, preferencialmente, em lugares protegidos por muros e, assim, criar verdadeiros cantos de paraísos olfativos!

Deixar um comentário