Pragas e doenças de arbustos em flor e roseiras

Existem muitas pragas e doenças que podem afetar as suas plantas. Para tratar essas doenças de forma eficaz, rápida e segura, pode usar pesticidas, químicos e inseticidas orgânicos, fungicidas, etc.

Vamos ensinar a identificar as principais pragas que afetam roseiras e arbustos:

Pulgões

São pequenos insetos sugadores que vivem em surtos, produzem melaço (um líquido espesso) enfraquecendo o arbusto. O tempo de maior incidência é na primavera. Pode tratar com um inseticida ou um acaricida inseticida polivalente.

Cochonilhas

São uns insectos protegidos por uma concha. Instalam-se nas folhas, galhos, troncos e frutos, produzindo melaço enfraquecendo a planta. Os meses com maior incidência são de abril a julho. Pode tratar com um inseticida polivalente ou com um anticochonillas.

Aranhas vermelhas

Tratam-se de pequenas aranhas amarelas ou vermelhas que se alimentam de seiva e vivem na parte inferior das folhas, escurecendo-as e secando-as. Aparecem nos meses de verão. O tratamento ideal é o insecticida acaricida.

Formigas

São mais comuns em solos arenosos e com coberturas. Parasitam pulgões e movem-se de planta para planta para a produção de mais melaço (do qual se alimentam). Podem surgir ao longo do ano, embora com menor intensidade em dezembro. Use o anti-formiga de pistola ou pó.

Ferrugens

Aparecem manchas alongadas ou arredondadas espalhadas que se formam nas folhas e caules. Originam um pó de cor marrom-avermelhado e/ou amarelado. Pode ocorrer durante todo o ano, com particular incidência no período de março a setembro. Para o seu tratamento, use um fungicida polivalente.

Oidium

Inicialmente, são manchas claras, que mais tarde se tornam molde branco acinzentado na viga. As folhas enrolam-se e secam. Podem aparecer ao longo do ano, mas com maior intensidade a partir de maio a setembro. Para combater isso, use um fungicida polivalente.

Manchas negras

São grandes manchas pretas e cinzentas, impondo respeito às partes saudáveis. Aparecem pústulas rosa ou creme. Elas surgem na primavera e verão. Para combatê-las, use um fungicida polivalente.

Há outras pragas secundárias, como minadores, tripes, lagartas, vespas, que deve tratar com inseticidas polivalentes, e caracóis, para os quais deve usar um anti-caracóis.

Deixar um comentário