Cuidado com as otites do seu cão durante o verão

Nesta época o mais provável é que o seu cão sofra de otites

No verão, o clima quente e húmido, junto com banhos mais frequentes e passeios ao ar livre, pode desencadear o aparecimento de uma infecção no ouvido.

A otite inflama o canal auditivo e espalha-se por todo o ouvido até chegar ao tímpano, infectando-o. Tenha especial cuidado nestes dias e tome as precauções necessárias para que o animal mantenha-se em perfeitas condições de saúde.


Fonte

Os fungos e bactérias que causam inflamação no ouvido encontram humidade num bom lugar para se desenvolverem. Por isso, é importante que, se o seu cão costuma tomar banho no mar, rios ou qualquer lugar com água, seque bem as orelhas, por dentro e por fora, para remover todos os vestígios de humidade que, juntamente com o calor, provocam a proliferação de germes provocando infecções.

Naturalmente, ao longo de todo o ano, deve tentar manter junto as orelhas limpas, pois a sujidade é um factor favorável para a ocorrência de otites. Embora estas infecções sejam comuns em cães, o verão é mais perigoso, por causa dos banhos, calor e humidade.

Além disso, nesta época também é mais habitual que o seu animal de estimação corra livremente pelos campos e montes onde algumas plantas herbáceas podem se prender no pêlo em torno das orelhas e também causar infecção. Por isso, se for caminhar com o seu cão, preste atenção especial a algumas ervas que possam vir presas ao pêlo, retirando-as o mais rápido possível. Outra medida útil para evitar essas infecções é cortar com cuidado o pêlo ao redor dos ouvidos para evitar que algumas plantas fiquem presas.


Fonte

Se o seu cão também tem orelhas grandes e caídas, é mais provável que venha a sofrer com otites, uma vez que estas criam uma barreira ao ar que é o que arrasta possíveis bactérias e fungos. Para evitar isso, verifique os seus ouvidos regularmente. Lembre-se que se estiverem de boa saúde têm uma cor rosada. Se vir que existem restos de cera no canal auditivo ou que liberta um odor desagradável, é provável que esteja infectado. Por isso, leve-o ao veterinário para que seja tratado.

Da mesma forma, se perceber que o cão coça-se mais nessa área do que o habitual, sacode-se muito ou caminha com a cabeça ligeiramente inclinada, verifique bem, pois podem ser sintomas de uma infecção.

Com uma boa higiene, vigilância regular,  secando bem os ouvidos após os banhos e tendo especial atenção nos passeios pelo campo, o seu cão não terá de sofrer qualquer problema e você poderá aproveitar o verão com toda a família.

Deixar um comentário