As coníferas

As coníferas dão forma ao jardim

As  coníferas agrupam várias famílias botânicas; são, geralmente considerados como árvores sempre verdes, a maioria tem uma folhagem persistente, embora haja algumas excepções.

Entre as coníferas podemos encontrar tanto plantas anãs como árvores gigantes que podem viver muitos anos. São plantas originárias de climas frios, apesar de adaptarem-se a climas temperados e até climas quentes. Precisarão de uma poda especial para coníferas e solos bem drenados.

coniferas-bg

Graças à grande variedade de formas: esferas, colunas, bordas, cercas, pirâmides, cones … e de cores: verdes escuros, verdes claros, prateados, azulados e amarelo-dourado, são indispensáveis ​​na decoração do jardim.

Há centenas de coníferas por onde escolher e se não crescerem por si só como desejamos, podemos podá-las para que alcancem a forma desejada. Existem variedades que são adequadas para a poda, como o Taxus ou Tejo, a Thuya occidentalis ou o Cupressocyparis leylandii.

Os ciprestes esbeltos que formam elegantes colunas são amplamente utilizados no Mediterrâneo. Talvez grandes demais para um jardim privado, mas o Chamaecyparis Lawsonia Columnaris, de cor azul turquesa e o Chamaecyparis Lawsonia Golden Wonder, de cor verde amarelado também têm forma de coluna e poderá usá-los para tornar o seu jardim mais elegante. Pode usá-los, por exemplo, em ambos os lados da porta da principal, ou colocá-los num vaso no terraço/varandim.

Chamaecyparis-lawsoniana-Elwoodii-bg

As Coníferas também podem crescer rente ao solo como o junípero rasteiro (Juniperus Wiltoni). Se combinar variedades de crescimento plano, obterá combinações deslumbrantes.

Use-as no jardim combinando-as entre elas com outras variedades uma vez que ajudam a destacar as outras plantas.

Deixar um comentário